Metáfora

Metáfora é um termo para uma figura de linguagem. Ela não usa uma palavra em seu sentido literal básico. Em vez disso, ela usa uma palavra em uma espécie de comparação. Nós corremos, e também dizemos que os rios correm. Podemos ter problemas, especialmente se subirmos uma conta no bar.

Portanto, uma metáfora usa palavras para fazer uma imagem em nossa mente. Ela tira uma palavra de seu contexto original e a usa em outro.

"Eu o venci com um bastão" = significado literal de 'bater'.

"Eu o venci em uma discussão" = significado metafórico de 'bater'.

As metáforas são uma parte essencial da linguagem: não é possível falar ou escrever sem elas. Um exemplo simples é a palavra "correr". Isto tem um significado básico de "andar rápido" ou "andar com passos rápidos em pés alternados, nunca tendo os dois pés no chão ao mesmo tempo". O Dicionário Oxford Conciso dá então 34 outros usos como verbo; 21 usos como substantivo; cerca de 50 usos em frases curtas. Todos estes são metáforas, embora não costumemos notar isto.

Usamos metáforas para fazer comparações indiretas, mas sem usar "como" ou "como" - porque isso seria uma símile. Uma símile é uma comparação direta: "Jane é como uma criança".

Uma metáfora usa muito freqüentemente o verbo "ser": "amor é guerra", por exemplo, não "o amor é como a guerra" (que é uma símile). A poesia inclui muita metáfora, geralmente mais do que prosa.

Spam é um exemplo que qualquer usuário de e-mail conhece - esta palavra era originalmente uma metáfora, de 'Spam', um tipo de carne enlatada. Servidores colocando e-mails indesejados na caixa de entrada de alguém eram similares a garçons colocando Spam indesejado na comida. Isto foi originalmente sugerido por uma cena do Monty Python. Quando usamos uma metáfora com muita freqüência e esquecemos o antigo significado, ou esquecemos que os dois significados estão ligados, esta é uma 'metáfora morta'.

Originalmente, metáfora era uma palavra grega para "transferência". Vinha de meta ("além") e pherein ("carregar"). Portanto, a palavra metaphor em inglês também era uma metáfora. Hoje, em grego, metáfora é um carrinho (uma coisa que é empurrada para carregar compras ou sacolas).

Metáforas simples

Descrição

Uma simples metáfora tem uma única ligação entre o sujeito e o veículo metafórico. Assim, o veículo tem um único significado que é transferido diretamente ao sujeito.

Exemplos

  • Esfrie! [Frio = temperatura]
  • Ele estava louco. [louco = raiva].
  • Vou mastigá-lo. [mastigar = pensar].
  • Estava chovendo a cântaros de cães e gatos. [cães e gatos = chuva].
  • Max era um anjo. [anjo = pessoa adorável].

Na metáfora simples, o esforço para entender o que o autor ou orador pretende é relativamente baixo e, portanto, pode ser facilmente utilizado com um público mais amplo e menos sofisticado.

Metáforas complexas

Descrição

Uma metáfora complexa acontece quando uma simples metáfora é baseada em um elemento metafórico secundário. Por exemplo, usar uma metáfora de 'luz' para 'compreensão' pode ser complexificado dizendo 'jogar luz' em vez de 'luz brilhante'. Largar' é uma metáfora extra de como a luz chega.

Exemplos

  • Isso dá peso ao argumento.
  • Elas ficaram sozinhas, estátuas congeladas na planície.
  • A bola dançava alegremente para dentro da rede.
  • "Mas às minhas costas sempre ouço / A
    carruagem do tempo se apressando /
    E ali diante de nós
     todos mentem /
    Desertos de vasta eternidade".
    Do poema do poeta inglês Andrew Marvell, do século XVII, para a sua senhora tímida.

Metáforas vivas e mortas

Descrição

Uma metáfora composta é aquela em que há várias partes na metáfora que são usadas para prender o ouvinte. Essas partes podem ser palavras de realce como advérbios, adjetivos, etc.

Cada parte da metáfora composta pode ser usada para significar um item adicional de significado.

Exemplos

  • Desperta! pela manhã na Tigela da Noite

Atirou a pedra que coloca as estrelas em vôo.

  • Um homem idoso é apenas uma coisa insignificante,

Um casaco esfarrapado sobre um pau"...

  • Uma névoa grossa, primordial e cega desceu diante de seus olhos.
  • O carro gritou de angústia odiosa, sua carne ficou nua na colisão raucosa.

As metáforas compostas são como um soco múltiplo, atingindo o ouvinte repetidamente com elementos metafóricos. Onde a metáfora complexa usa camadas empilhadas para melhorar a metáfora, a metáfora composta usa palavras seqüenciais. A metáfora composta também é conhecida como uma metáfora solta.


[{
[64175-49811]}]


Uma metáfora viva é aquela que um leitor percebe. Uma metáfora morta é aquela que ninguém percebe porque se tornou tão comum no idioma.

Exemplos

Duas pessoas saem de uma quadra de tênis. Alguém pergunta ao perdedor: "O que aconteceu?".

  • "Ele venceu". Verdade literal.
  • "Ele me venceu". Obviamente uma metáfora morta.
  • "Ele me bateu". Este aqui está ligeiramente vivo.
  • O rio corre. Morto, e muitas variações sobre este tema.
  • A eletricidade é um fluido. Quase morto.
  • Todos os nossos esforços estão correndo para a areia. Ao vivo.

Páginas relacionadas

  • Tropo

AlegsaOnline.com - 2020 / 2022 - License CC3