Wasting Light [ Desperdício de luz ]

Wasting Light é o sétimo álbum de estúdio da banda de rock americana Foo Fighters. Ele foi lançado em 12 de abril de 2011 na Roswell e RCA Records. Foi o primeiro álbum dos Foo Fighters com o guitarrista Pat Smear tocando nele desde The Colour and the Shape (1997) como membro. Ele tocou em Echoes, Silence, Patience & Grace (2007) como convidado.

Ao fazer o álbum, a banda não quis usar a gravação digital como eles queriam fazer em seus primeiros álbuns. O álbum foi feito na garagem de Dave Grohl, o vocalista e guitarrista da banda. A casa ficava em Encino, Califórnia. O álbum foi feito apenas com equipamento analógico. Ele foi produzido por Butch Vig. Vig havia trabalhado com Grohl em 1991 e 1992 para produzir o álbum Nevermind dos Nirvana. A banda passou três semanas se certificando de poder tocar as músicas bem antes de gravar, pois nenhum erro pode ser corrigido após a gravação em equipamento analógico. Houve também convidados que tocaram no álbum, tais como Bob Mould, Krist Novoselic, Jessy Greene, Rami Jaffee e Fee Waybill.

Seis singles foram lançados do álbum. O mais bem sucedido foi Rope, que foi direto para o número um na tabela Billboard's Rock Songs. Foi apenas o segundo single a ir direto para o número um desta tabela. Wasting Light foi direto para o número um na tabela de álbuns de doze países. Os críticos disseram principalmente coisas boas sobre o álbum, principalmente sobre a produção e composição de canções. Em 2012, Wasting Light ganhou quatro prêmios Grammy, incluindo Melhor Álbum de Rock.

Antecedentes

Após a turnê do show Echoes, Silence, Patience & Grace ter terminado em 2008, os Foo Fighters foram ao Grandmaster Recorders em Hollywood, Califórnia, para gravar 14 músicas. Eles queriam lançá-las rapidamente, sem fazer propaganda ou promovê-las. Eles então mudaram de idéia e fizeram uma pausa em seu lugar. Três destas canções foram lançadas: "Wheels", "Word Forward", e "Rope". As duas primeiras foram lançadas como parte do álbum Greatest Hits e "Rope" foi lançada em Wasting Light. "Wheels" e "Word Forward" foram produzidas por Butch Vig, que foi o que fez Dave Grohl decidir trabalhar com ele para fazer um novo álbum. Grohl tinha trabalhado com Vig quando ele estava no Nirvana para fazer o álbum Nevermind.

Dave Grohl teve a idéia de fazer um novo álbum em 2010, enquanto estava em turnê na Austrália com Them Crooked Vultures. Ele queria fazer um documentário sobre como fazer o álbum. Ele também não queria fazê-lo em um estúdio caro com novos equipamentos, mas queria usar o mesmo equipamento usado nos anos 90. Mais tarde ele também disse que não queria que fosse o melhor álbum que eles tinham feito, mas queria que fosse aquele que as pessoas conhecessem melhor. Ele disse que seria muito parecido com Back in Black for Amy Winehouse ou The Black Album for Metallica. O álbum também foi o primeiro a ter o guitarrista Pat Smear. Smear havia deixado a banda após o álbum The Colour and the Shape, em 1997.

Wasting Light foi gravado na garagem de Dave Grohl, em sua casa em Encino, Califórnia. Os outros álbuns dos Foo Fighters foram gravados no Studio 606, que foi construído pela banda. Grohl disse que "queria fazer discos da maneira como costumávamos fazer discos", em vez de fazê-los em um novo estúdio com novos equipamentos.

O álbum foi feito utilizando apenas equipamentos analógicos. O equipamento digital só foi usado depois que o álbum foi feito. Grohl fez isso ao pensar que a gravação digital estava "ficando fora de controle". Ele também disse que quando ouvia música nova, tudo o que podia ouvir eram máquinas de bateria. Ele não gostou da idéia de não usar instrumentos musicais de verdade.

Quando o produtor Butch Vig ouviu que a banda queria usar equipamento analógico, ele pensou que eles estavam brincando. Vig disse então que a banda teria que tocar muito bem. Isto porque os erros na fita analógica não podem ser corrigidos. A banda então praticou por três semanas no Studio 606 e escolheu as músicas para usar no álbum. Eles começaram com 40 músicas que tinham e escolheram catorze.

Gravação

A garagem de Grohl tinha microfones e placas de som na porta da garagem e atrás dos tambores. Havia também um tapete embaixo dos tambores. Isto impediu que o som vazasse do lado de fora da garagem. O pequeno quarto ao lado do estudo foi usado como sala para gravar vocais. Uma tenda foi montada no quintal para a sala de controle. Havia duas câmeras instaladas na garagem que se ligavam a uma televisão na barraca para que a banda pudesse falar com o produtor na barraca. O mesmo equipamento que foi usado para fazer There Is Nothing Left to Lose e One by One na casa de Grohl em Alexandria, Virgínia, foram usados para fazer Wasting Light.

Listagem de faixas

Todas as canções escritas e compostas por Dave Grohl, Taylor Hawkins, Nate Mendel, Chris Shiflett e Pat Smear.

Não.

Título

Comprimento

1.

"Queima de Ponte" 

4:46

2.

"Corda". 

4:19

3.

"Querida Rosemary" 

4:26

4.

"Limusina Branca". 

3:22

5.

"Arlandria". 

4:28

6.

"Estes dias" 

4:58

7.

"Back & Forth" (costas e frente) 

3:52

8.

"Uma questão de tempo" 

4:36

9.

"Miss a Miséria" 

4:33

10.

"Eu deveria ter sabido" 

4:15

11.

"Caminhada" 

4:16

Comprimento total:

47:54

Pista bônus japonesa

Não.

Título

Comprimento

12.

"Better Off" (melhor fora) 

4:12

Comprimento total:

52:06

 

iTunes e Best Buy Deluxe edition

Não.

Título

Comprimento

12.

"Corda" (Deadmau5 Remix)

5:52

13.

"Better Off" (melhor fora) 

4:12

14.

"Limusina branca" (Vídeo)

3:35

15.

"Walk" (Ao vivo na Roxy) (Vídeo)

4:23

Comprimento total:

65:56

Pessoal

Foo Fighters

  • Dave Grohl - vocais principais, guitarra rítmica, guitarra principal em "White Limo
  • Pat Smear - guitarra rítmica, guitarra solo, guitarra barítono
  • Nate Mendel - baixo
  • Taylor Hawkins - tambores, backing vocals, percussão
  • Chris Shiflett - guitarra principal, backing vocals, guitarra tenor, guitarra rítmica em "White Limo"

Músicos adicionais

  • Bob Mould - guitarra e backing vocals em "Dear Rosemary", backing vocals em "I Should Have Have Known"
  • Krist Novoselic - baixo e acordeão em "Eu deveria ter sabido"
  • Rami Jaffee - teclados em "Bridge Burning" e "Rope", mellotron em "I Should Have Have Know", órgão em "Walk" e "Dear Rosemary".
  • Jessy Greene - violino em "Eu deveria ter sabido".
  • Fee Waybill - backing vocals em "Miss a Miséria"
  • Butch Vig - percussão em "Back & Forth", produção
  • Drew Hester - percussão em "Arlandria", golpe de vaqueiro escondido em "Corda

Produção

  • Alan Moulder - mistura
  • Joe LaPorta - masterização
  • Emily Lazar - masterização
  • James Brown - engenheiro

Obras de arte

  • Morning Breath Inc. - direção de arte e design
  • Steve Gullick - fotografia

AlegsaOnline.com - 2020 / 2022 - License CC3